Sem-categoria

MINISTRO MINC FALA COM EXCLUSIVIDADE PARA O QUERÊNCIA HOJE.

REPORTAGEM E FOTOS: HOMERO SERGIO
ESPECIAL PARA O QUERÊNCIA HOJE.

minc1

O Ministro do Meio Ambiente Carlos Minc fez a palestra do encerramento do X Encontro de Comitês de Bacias Hidrográficas que aconteceu no Rio de Janeiro dia 15. Ao final de sua fala para mais de 1500 pessoas, que representam os vários comitês de Bacias espalhadas pelo Brasil, Minc gravou breve entrevista para o QUERÊNCIA HOJE, com foco em assuntos da região de Mato Grosso.
Após atender muitos pedidos de fotos com participantes do evento ele respondeu as seguintes perguntas.

 

QH- Boa tarde Ministro, em primeiro lugar o que o Sr. poderia dizer sobre a importância desse encontro e mais claramente sobre a organização há 10 anos tem como foco cuidar das águas num país como o Brasil?

 

MINC- O Comitê de Bacia é a sociedade assumindo a gestão da água, defendendo a água, sabendo tudo que afeta ela, gantindo o uso múltiplo, de quem pode captar para fazer energia, fazer a irrigação, tratar para beber água e como cuidar dos rios e evitar que ele seja poluído e contaminado e reflorestar suas margens. A nossa gestão no ministério vai ser pra reforçar os Comitês de Bacia, dar mais impulso e mais poder para a população organizada proteger os nossos recursos hídricos.

 

QH-Ministro, em Mato Grosso onde desde que o Sr. assumiu a briga tem sido dura, mas o Sr tem mostrado disposição para conversar e felizmente uma notícia boa vem de lá: Lucas do Rio Verde venceu o Prêmio Chico Mendes na categoria Município. O que representa isso?

 

MINC – Exatamente, é o reconhecimento do trabalho do esforço de dirigentes locais, dos agricultores para refazer a Reserva legal, refazer as APPs, cadastrar as propriedades, e é um exemplo agora da Lei do Mato Grosso Legal. Nós tivémos um encontro  recente com parlamentares do MT, com o Governador, e vamos acertar dois pontos da Lei que será até um exemplo para outros estados da federação, vai agilizar o cadastramento e a regularização fundiária.

 

QH- Ministro, venho da região de Querência que está numa lista dos 36 municípios críticos e onde além da floresta e do cerrado , a outra vítima da questão ambiental tem sido o diálogo. O que o Sr. poderia dizer para a população e os produtores de lá e da região sobre qual a sua disposição de modificar esse quadro?

 

MINC- Olha, eu já recebi por mais de 3 vezes agricultores, produtores rurais e até agropecuáristas de MT. Aonde constatamos que está errado somos rigorosos, aonde há razão, temos que fazer revisão das multas e providenciar orientação técnica, o objetivo não é punir e sim mudar de comportamento.
Temos que com uma mão vigiar e com a outra ajudar quem quer entrar na legalidade ambiental, e tenho convicção que 95% dos agricultores e pecuaristas com certeza  querem isso. Eles não são marginais e sim os que estão produzindo alimentos para o país.
minc3
Tietagem ecológica ao final da palestra. Minc cercado por integrantes dos Comitês.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s