Sem-categoria

QUERÊNCIA NA MÍDIA.

Querência: 20 anos de progresso
Autor: José Riva

Um município que cresce e se desenvolve a cada dia. É assim que Querência trilha seu caminho construindo uma história de luta com muita determinação nesses 20 anos de emancipação político-administrativa. O crescimento pode ser constatado nos índices econômicos movidos, principalmente, pela pujante agricultura, com destaque para a soja com 240 mil hectares plantados e 35 mil de safrinha (feijão, milho e algodão).

Par reforçar esse contexto, recentemente, aprovamos a Lei 9.523/11, que trata do Zoneamento Socioeconômico Ecológico (ZSEE) para normatizar o ordenamento de ocupações dando tranquilidade jurídica aos produtores. As adequações dessa proposta foram amplamente debatidas. Uma luta nossa que contou com a importante participação da sociedade organizada.

Ainda mais agora que Querência se tornou o primeiro município de Mato Grosso e o segundo do Brasil a conseguir, com êxito, monitorar e controlar o desmatamento. O resultado é fruto do esforço conjunto que ajudou o município a sair da lista “negra” dos que mais desmatavam a Amazônia, conforme dados do Ministério do Meio Ambiente.

Numa parceria com o Governo do Estado também viabilizamos parte da pavimentação asfáltica do Setor G, bem como foram adquiridas máquinas para a manutenção das estradas. E, mais! Em atendimento a reivindicação popular, conseguimos uma ambulância, um veículo zero quilômetro e computador para o Conselho Tutelar da cidade. Investimentos necessários de grande alcance social.

No quesito acessibilidade entregamos um ônibus adaptado à Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais Recanto da Esperança (Apae), que graças a nossa Lei 8.286 foi declarada como utilidade pública. Assim como a Associação Agroecológica Estrela da Paz que também conquistou essa declaração através da Lei 9.207. Envidamos esforços para consolidar a entrega de quatro novos ônibus escolares. Muito mais conforto aos estudantes da zona rural no caminho da escola.

Sabemos que as demandas são muitas. Por isso, vamos trabalhar em parceria com Governo do Estado e produtores pela construção de pontes de concreto; asfaltamento do aeroporto, da MT-110 e da BR-242, que liga Querência a BR-158.

Neste dia festivo, reafirmo meu compromisso com o desenvolvimento do município, para que possamos continuar no caminho do desenvolvimento rumo ao progresso constante.

Parabéns, Querência!

José Riva, presidente da Assembleia Legislativa de MT

PUBLICADO EM 25.7.2011 NO SITE OLHAR DIRETO

Sem-categoria

DIA DO COLONO E MOTORISTA PELA LENTES DE UM CONHECEDOR DO SETOR.

FOTO: ANDERSON DA AGROBRAZ.
Foto em 360º mostra os maquinários na esquina da avenida do Show Ball.

Foi celebrado ontem em Querência o dia do Colono e Motorista, um evento anual que marca o encontro dos produtores e seus funcionários com equipamentos e seus caminhões, caminhonetes etc.
Este ano o *****QUERÊNCIAHOJE***** convidou para documentar o evento, um profissional atuante no setor de máquinas e que tem habilidade em fotografia. Um olhar diferente, de alguém que conhece os maquinários e desfilou pelo evento do alto de um deles.
As fotos estão disponíveis na página do DIA DO COLONO E MOTORISTA e ao nosso convidado Anderson da Agrobraz nossos cumprimentos e agradecimento pela homenagem à todos os participantes do evento.

Sem-categoria

PAGOT INTERROMPE FÉRIAS,PEDE PARA SAIR E VAI PARA INICIATIVA PRIVADA.

NOTA À IMPRENSA
Brasília, 25 de julho de 2011.

O Ministro de Estado dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, recebeu na manhã de hoje o pedido de cancelamento das férias do diretor-geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), Luiz Antônio Pagot, programadas para o período de 25 de julho a 04 de agosto.

No mesmo documento, o diretor comunicou que já solicitou à Presidenta da República sua exoneração do cargo de Diretor-Geral do DNIT.

Assessoria de Comunicação

Ministério dos Transportes

Sem-categoria

“VAMOS LUTAR PARA QUE ESSE CRIME NÃO FIQUE INPUNE” DIZ PRESIDENTE DA AMM.

O prefeito de Novo Santo Antonio, Valdemir Antonio da Silva, popularmente conhecido como “Quatro Olho”, foi assassinado neste sábado (23) no município (localizado a 1.023 quilômetros da capital), na região do Araguaia. O prefeito foi eleito em 2008 e exercia o primeiro mandato no município.

Conforme informações da polícia, dois homens armados invadiram a residência da família, renderam os filhos em um dos quartos e levaram o prefeito para outro quarto, onde ele foi executado com três tiros no peito. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu. A polícia suspeita de crime político encomendado.   

O presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios, Meraldo Figueiredo Sá, lamenta a morte do prefeito e disse que já solicitou à Secretaria de Estado Segurança Pública todo o empenho na apuração do crime. Meraldo informou ainda que a AMM está empenhada para que o caso seja esclarecido o mais rápido possível. “Lamentamos a perda do companheiro prefeito nestas circunstâncias de tanta violência. Vamos lutar para que este crime não fique impune” , afirmou.

O presidente da AMM decretou três dias de luto pela morte do prefeito de Novo Santo Antonio e já anunciou uma reunião nesta segunda-feira, com o secretário de Segurança, Diógenes Curado, para tratar do assunto.

Novo Santo Antônio, localizado às margens do Rio das Mortes, foi criado em 29 de setembro de 1999. A primeira eleição ocorreu em 03 de outubro de 2000 e o prefeito eleito foi João de Souza Luz.

Agência de Notícias da AMM

Sem-categoria

PENSA NUM TREM!

Empilhadeira na Austrália destruiu um carregamento de vinho avaliado em mais de US$ 1 milhão (R$ 1,55 milhão).

 

O Mollydooker Velvet Glove Shiraz de 2010 é vendido a US$ 199 a garrafa, segundo a agência de notícias AFP. O produtor Sparky Marquis disse estar “arrasado” com a notícia de que 462 caixas de vinho foram danificadas durante embarque para os EUA. “Quando abriram as caixas, falaram que parecia uma cena de assassinato. Mas o aroma era sensacional”, disse ele. O empresário disse que o carregamento representa um terço da produção anual da vinícula McLaren Vale. “É uma perda enorme, vamos verificar agora cada uma das 462 caixas para ver se é possível salvar algo.” O vinho estava no seguro. O porta-voz da transportadora envolvida, a Kery Logistics, disse que a empresa cuida de mais de 20 mil containers por ano e nunca teve um problema como este antes.