FOGO NO MEMORIAL DA AMÉRICA LATINA. OBRA DE TOMIE OHTAKE DE 800m2 OCUPA O LOCAL.

memorial_da_america

obra-sem-titulo-da-artista-tomie-ohtake-no-memorial-da-america-latina-1990-1384900225637_800x550

Um incêndio de grandes proporções atingiu o Memorial da América Latina, na Barra Funda, na Zona oeste de São Paulo, por volta das 15h desta sexta-feira, 29. Segundo o Corpo de Bombeiros, o fogo começou no auditório que fica dentro do centro de convenções paulista.

Pelo menos dois bombeiros, que teriam sido atingidos por partes do teto que desabaram, ficaram feridos – um deles gravemente.

De acordo com a instituição, havia funcionários no auditório quando o incêndio começou, mas eles foram retirados rapidamente do local e não ficaram feridos. O forro da plateia B do auditório teria sido bastante danificado pelo incêndio. O Memorial fica na Avenida Auro Soares de Moura Andrade.

Anúncios

A 163 É DA ODEBRECHT.

442607

Empresa ofereceu o menor preço de pedágio; motorista que viajar entre a divisa com MS e Sinop vai desembolsar R$ 22,45

A empreiteira Odebrecht apresentou o menor valor de pedágio e venceu o leilão dos 850 quilômetros de rodovia da BR-163, em Mato Grosso, realizado ontem na BM&F Bovespa, em São Paulo.

A tarifa oferecida pela empresa foi de R$ 2,638 para cada 100 quilômetros rodados. O valor representa menos da metade do teto fixado pelo governo, que era de R$ 5,50.

A tarifa oferecida pela vencedora representou um deságio de 52%. Ao todo sete grupos participaram do leilão, realizado na manhã de ontem (27). O tempo de concessão da rodovia será de 30 anos.

O trecho de 850,9 quilômetros vai desde a divisa com Mato Grosso do Sul até a cidade de Sinop (477 km ao norte de Cuiabá) e atravessa 19 municípios do Estado.

A previsão é que sejam aplicados na duplicação e conservação da rodovia aproximadamente de R$ 3,6 bilhões. Outros serviços como, a construção de passarelas e anéis viários, também estão incluídos no pacote.

De acordo com o edital, o pedágio somente poderá ser cobrado após 10% dos investimentos em duplicação serem realizados. A empresa terá um prazo de cinco anos para fazer este serviço inicial.

Conforme informações do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), a concessionária vencedora será responsável por duplicar 453,6 km. O Dnit informou que aproximadamente metade dos 850 km já estria em fase de duplicação, por volta de 395 km.

A BR-163 terá nove praças de pedágios localizadas nos quilômetros 38, 138, 237, 300, 402, 515, 582, 667 e 772. Respectivamente nos municípios de Itiquira (355 km ao sul de Cuiabá), Rondonópolis(217 km ao sul de Cuiabá), Campo Verde (134 km ao sul de Cuiabá), Santo Antônio do Leverger (33 km ao sul de Cuiabá), Jangada (74 km a médio-norte de Cuiabá), Diamantino (188 km a médio-norte de Cuiabá), Nova Mutum (239 km ao norte de Cuiabá), Lucas do Rio Verde (332 km ao norte de Cuiabá) e Sorriso no quilometro 772 (395 km ao norte de Cuiabá).

Um carro de passeio que percorrer toda a rodovia gastará com aproximadamente R$ 22,45. O valor altera para veículos de grande porte, onde cada eixo é levado em consideração para calcular o valor final.

Este é o segundo trecho a ser leiloado pelo governo dentro do Plano de Investimento em Logística (PIL). O primeiro foi o da BR-050, entre os estados de Goiás e Minas Gerais, em setembro pelo consórcio Planalto.

O próximo leilão está marcado para o dia 4 de dezembro. Serão leiloados trechos das BRs 060-153-262, entre Brasília e Betim. Dia 17 será o leilão do trecho da BR-163 em Mato Grosso do Sul.(DIÁRIO DE CUIABÁ).

FLAMENGO É CAMPEÃO E DISPUTA A LIBERTADORES EM 2014.

t_101199_flamengo-posa-para-foto-antes-da-partida-que-lhe-daria-o-terceiro-titulo-da-copa-do-brasil

O Flamengo conquistou o tricampeonato da Copa do Brasil ao derrotar o Atlético Paranaense, por 2 a 0, em partida disputada na noite desta quarta-feira, no Maracanã. Os gols foram marcados por Elias e Hernane, ambos no segundo tempo. No jogo de ida, em Curitiba, os dois times empataram por um gol e a equipe carioca soube aproveitar a vantagem de poder empatar sem gols, para determinar o ritmo do confronto e vencer o duelo, com facilidade.

Foi o terceiro título da competição nacional conquistado pelo Flamengo que já havia vencido em 1990 e 2006. A torcida lotou o Maracanã e promoveu uma grande festa que começou antes de a bola rolar e depois se estendeu pelas ruas do Rio de Janeiro. Com o título da Copa do Brasil, o Flamengo garantiu uma vaga na Libertadores do próximo ano.

O resultado fez justiça ao time dirigido por Jayme de Almeida que sempre tomou a iniciativa e não deixou o Atlético se armar, em momento nenhum do jogo. O Furacão precisava de gols para ter chance de brigar pelo título, mas não mostrou agressividade e acabou dominado com facilidade pelo adversário que mostrou mais disposição para conseguir o resultado que lhe interessava.

PONTE PRETA ELIMINA O SÃO PAULO COM EMPATE DE 1X1. E FAZ A FINAL DA SULAMERICANA.

 

ITAQUERÃO: PARTE DA OBRA DO ESTÁDIO DE ABERTURA DA COPA DESABA. 2 MORTOS.

CAIU

A parte Sul do Itaquerão em São Paulo, onde acontecerá a abertura da Copa 2014, sofreu um acidente nesta manhã com a queda de parte das estrutura. Segundo informações preliminares, o acidente provocou mortes, mas ainda não estão confirmadas os números exatos.

Ontem a empresa disponibilizou na mídia uma apresentação com imagens do local.

Veja a parte que houve o acidente.

ARQUIBANCADA SUL

EM SITE CORINTHIANS EMITE NOTA.

Nota oficial

Nota Oficial Agência Corinthians

A diretoria do Sport Club Corinthians Paulista vem público lamentar profundamente o acidente ocorrido há pouco na Arena Corinthians.

Não existem outra informações no momento.

CFCs RESISTEM À IMPLANTAÇÃO DE SIMULADOR.

Equipamento será obrigatório em janeiro de 2014, mas no Paraná apenas uma autoescola já conta com o aparelho.

Theo Marques
O equipamento tem partes de um carro real e possibilita vários tipos de cenário

Curitiba – A partir de janeiro de 2014 os alunos das 11,4 mil autoescolas brasileiras terão que passar por um simulador de direção antes das aulas práticas para retirar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) na categoria B (para automóveis). Entretanto, poucos Centros de Formação de Condutores (CFCs) já se adequaram às novas regras previstas na resolução 444/2013 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). Do total de 837 autoescolas do Estado, apenas uma já conta com o equipamento.

O simulador foi instituído pelo Contran com o objetivo de utilizar a tecnologia para qualificar a formação de condutores. Serão obrigatórias cinco aulas, com meia hora de duração cada.

O aparelho recria diversas situações, como dirigir na chuva, nas rodovias, fazer curvas fechadas. De acordo com o órgão federal, o uso de simuladores já estava contemplado no Código de Trânsito Brasileiro (CTB) em 1997, mas “devido à deficiência do mercado nacional e à falta de estudos, não obrigou que à época as autoescolas utilizassem o aparelho”, informou em nota oficial. O Contran ainda reforçou que todos os CFCs deverão cumprir com as determinações legais dentro do prazo.

Fixado inicialmente em 30 de junho, o limite para implantação dos simuladores foi prorrogado para 31 de dezembro, entretanto, ainda existe uma resistência grande das autoescolas.

A orientação adotada pela entidade sindical da categoria é para que as autoescolas não invistam na compra do equipamento. Conforme o presidente do Sindicato dos Proprietários de CFCs do Paraná, Justino Rodrigues da Fonseca, outras resoluções mais importantes do Contran ainda não estão sendo aplicadas. “A implantação do sistema biométrico a partir de 2008 era irrevogável e hoje muitos Estados não têm o sistema, incluindo o Distrito Federal”, questiona.

O sindicato também entende que os simuladores não são necessários para formação dos alunos. “Por mais de 35 anos os alunos passaram pelas autoescolas sem a necessidade deste equipamento”, reforça. Conforme a instituição, o maior índice de acidentes está ligado a três situações: consumo de álcool, consumo de drogas e imprudência. “Também entendemos que o uso do simulador de direção não deveria ser de forma impositiva e sim uma condição opcional de cada empresário”, completa Justino.

Até o momento quatro empresas já foram homologadas pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) – Pró Simulador, Real Drive, Real Simuladores e Iessa – para desenvolver e comercializar os simuladores.

Fenauto

O presidente da Federação Nacional das Autoescolas (Feneauto) recomenda cautela na aquisição dos equipamentos, principalmente porque grande parte das autoescolas não possui condições de comprar os simuladores. Segundo ele, o valor dos modelos varia de R$ 30 mil a R$ 35 mil. “É importante esperar para ver se não vai ocorrer uma nova prorrogação do prazo. Além disso, são poucas empresas no mercado que não vão dar conta de toda a demanda de quase 12 mil CFCs em todo o País”, disse Magnelson Carlos de Souza, presidente da Feneauto. Ele ainda admitiu a possibilidade de encarecimento da primeira habilitação. “Talvez não pela aquisição do equipamento, mas porque haverá acréscimo da carga horária”, afirmou.

Detran-PR

A assessoria do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PR) informou que vai respeitar e cumprir o que prevê a resolução do Contran e, portanto, a partir do dia 1º de janeiro os simuladores serão obrigatoriedade em todos os CFCs do País. (FOLHA DE LONDRINA).

MT VAI GANHAR MEGA-SHOPPING ATACADISTA EM 2014.

00301be604a27f4232ee0b80bd00808a

O governador Silval Barbosa anunciou, na manhã desta terça-feira (26.11), a implantação do primeiro shopping atacadista de roupas em Mato Grosso, com um investimento superior a R$ 35 milhões do Grupo Vitória Régia de Santa Catarina. O protocolo para atração e instalação de empresas no empreendimento foi assinado na segunda-feira (25.11), na cidade de Indaial, após uma exposição com participação de 150 empresas da indústria têxtil da região Sul e Sudeste do país.

Silval Barbosa explicou que o protocolo de incentivo é para atração de empresas, sendo que num primeiro momento elas vão expor e, depois, se instalar em Mato Grosso. “Queremos trazer toda a cadeia produtiva da indústria têxtil”, destacou. Como incentivo inicial, denominado pré-operacional, as empresas vão trazer os produtos prontos, porém com o compromisso futuro de produzir no estado, gerando emprego e renda.

No shopping atacadista o consumidor é o varejista, as transações acontecem apenas via CNPJ. O objetivo é atender uma demanda existente de empresários que viajam de Mato Grosso, Rondônia e Pará para comprar no shopping de Santa Catarina. Há pequenos empresários que chegam a ficar uma média de 100 horas em ônibus para abastecer suas lojas. O shopping em Mato Grosso vai diminuir esse tempo e, consequentemente, os custos.

Segundo o governador, a intenção da empresa é estar operando já no final de 2014. Silval Barbosa contou que visitou o Shopping Vitória Régia e pôde constatar ‘in loco’ o poder de atração dos consumidores, que, em apenas um local, encontram fornecedores de toda linha da moda feminina, masculina, infantil; além da linha cama, mesa e banho.

MAIS POLICIAIS PARA QUERÊNCIA.

 

 

 

 

No dia 26 de Novembro de 2013, o Presidente da Câmara Municipal, Vereador João César “Cesinha”, juntamente com os Vereadores Vavá, Elias Schmitte e Telmo Brito foram até o destacamento da Policia Militar do município, para junto com o Tenente Coronel Jorge Luiz, Major Guedes e Tenente Genésio Moraes de Araújo, darem boas vindas aos 4 (quatro) policiais militares que agora integram o corpo de Policia Militar do município de Querência.

A vinda desses policiais vem contribuir muito para o município, algo que há muito tempo já vem sendo cobrado pelo Poder Legislativo e Executivo de Querência. Tanto que na última reunião em que esteve presente o Vice-Governador do estado de Mato Grosso, Chico Daltro, o Presidente Cesinha entregou em mãos um oficio que pedia a intervenção do Vice-Governador junto a Secretaria de Segurança Pública do Estado para que mandassem mais policiais efetivos para Querência.

A vinda desses policiais é algo que há muito se faz necessário e que irá proporcionar mais segurança a toda a população.

RENATA DOMINGOS ROMAS- IMPRENSA CÂMARA.