FÍSICO FRITJOF CAPRA FAZ PALESTRA HOJE EM CUIABÁ.

CAPRA

Cuiabá/MT – Sete anos depois de visitar o canteiro de obras do que seria o Centro Sebrae de Sustentabilidade (CSS), o físico austríaco Fritjof Capra volta a Cuiabá e conhece o espaço. Ele está em Mato Grosso para participar do CICLOS – Congresso Internacional de Sustentabilidade, (dias 2 e 3/07), onde faz a palestra magna de abertura: “O estado do mundo: impactos da escassez na economia global”.

Atento a todas as explicações do superintendente do Sebrae Mato Grosso, José Guilherme Barbosa Ribeiro,  e do técnico do CSS, Nager Castilho Amui, ele fez muitas observações e perguntas. Quis saber sobre o projeto arquitetônico e sobre seu autor, especialmente por causa da forte referência a arquitetura das casas indígenas.  O projeto é do arquiteto José Afonso Botura Portocarrero, único do Brasil especializado em arquitetura indígena.

José Guilherme lembrou que muitas técnicas e tecnologias dos índios foram aplicadas no prédio.  “Quando chegamos numa aldeia, não vemos quase ninguém, eles estão dentro das casas, mas vêm tudo que está acontecendo do lado de fora através de aberturas nas palhas. Aqui usamos os brises e quem passa na calçada no vê aqui dentro. Os banheiros também são do lado de fora da construção principal. É um prédio simples, mas com todo conforto necessário”.

Capra se disse impressionado com a edificação. “Já vi muitas construções sustentáveis, mas nenhuma inspirada na cultura indígena”, disse, ressaltando ainda a preocupação estética da construção do CSS. “É muito importante ter um ambiente agradável, bonito”, constatou diante de uma obra de arte da artista plástica Lara Matana, que trabalha suas composições com resíduos de madeira.  “As pessoas acham que sustentabilidade é um sacrifício. Esse prédio mostra que não, é um prazer”.

José Guilherme fez questão de frisar que o Sebrae MT trabalha com a questão sustentabilidade há mais de 10 anos. “Desde 1999 já falávamos no tema e nosso primeiro trabalho foi convencer o próprio Sistema Sebrae. Nesse prédio, fomos sustentáveis desde o projeto, considerando aspectos como o posicionamento do prédio com relação à incidência solar e ao declive do terreno, para evitar remoção de terra. Toda madeira utilizada na obra tinha que ser reaproveitada”.

Ao tomar conhecimento sobre o sistema de coleta e reuso da água de chuva no prédio, Capra comentou sobre a crise hídrica  brasileira e quis saber se Mato Grosso tinha sido atingido também.

José Guilherme disse a Capra que o Sebrae está construindo uma usina para a geração de energia fotovoltaica que vai atender 100% das necessidades do CSS e 30% do restante do prédio do Sebrae. “Na minha casa em Bekerley, na Califórnia (EUA), tenho painéis de energia solar e se no final do ano, produzimos mais energia que usamos, recebemos dinheiro da companhia de energia da cidade”, conta.

Ele lembrou ainda da encíclica papal Laudato Si (Louvado seja) – Sobre o cuidado da casa comum, divulgada recentemente pelo papa Francisco. “Se o Papa vier ao Brasil de novo, tem que vir a Mato Grosso e ao CSS. Esta obra é a concretização da encíclica, é a ligação entre ecologia e o aspecto social”, ressaltou.

Capra é diretor fundador do Center for Ecoliteracy, instalado em Berkeley e dedicado ao avanço da ecologia e do pensamento sistêmico no ensino primário e secundário. Ele explicou que trabalha com alfabetização ecológica com alunos de mais de cinco mil escolas em cerca de 300 cidades. A metodologia, que envolve professores, alunos, pais, administradores, empresários, engloba aspectos como ciclos ecológicos, biodiversidade, networking e muito mais. “Trabalhamos com jardins e hortas nas escolas e cada sala de aula dispõe de duas horas por semana para cuidar desse espaço e todos cooperam. Temos muitas escolas em comunidades pobres e o envolvimento de todos é grande”, relata.

Ao finalizar a visita, Capra se encantou com as casas de joão-de –barro e ninhos de outros passarinhos construídos nos pilares do CSS. Para José Guilherme, eles são a maior “certificação” de que o prédio é sustentável.

O CICLOS – Congresso Internacional de Sustentabilidade é uma realização do Sebrae com patrocínio do Banco da Amazônia e Governo Federal.

 

CICLOS – Congresso Internacional de Sustentabilidade

Data: 02 e 03 de julho – 2015

Local: Centro de Eventos do Pantanal – Cuiabá (MT)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s