EDUCAÇÃO

QUERÊNCIA PROMOVE O 17º FORÚM MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO. ENCONTRO REÚNE PERTO DE 600 PROFISSIONAIS E TEM ABERTURA NO CTG NESTA SEGUNDA.

Acontece em Querência nesta segunda-feira dia 30,  a abertura do 17 Fórum Municipal de Educação que está agendado para o CTG Pousada do Sul com horário definido de 13:30 para início dos trabalhos.

São esperados perto de 600 profissionais da educação do município e da região, além das autoridades e dos palestrantes convidados.

Esse fórum reúne  profissionais da sala de aula até os que cuidam da limpeza e motoristas. 47 motoristas de transporte escolar farão oficinas de direção defensiva e ministrada pelo próprio Detran.

Para realização do Fórum, A Secretaria Municipal de Educação conta com as parcerias das Secretaria Estadual de Educação, via CEFAPRO BARRA DO GARÇAS, O SICREDI E O DETRAN MT.

17º Fórum Municipal de Educação

Tendências e Inovação para uma Educação de Excelência

Gestores e Professores, Articuladores, Estagiários e Assistentes de Mais Alfabetização e Profissionais de Apoio.

O FÓRUM

O 17º Fórum Municipal de Educação tem como objetivos:

– Valorizar os Profissionais de Educação

– Melhorar a aprendizagens dos nossos alunos

– Valorizar as boas práticas pedagógicas das escolas do município, na rede Municipal, estadual e particular.

– Motivar os Profissionais de Educação para a constante busca da excelência.

rober

A abertura terá como palestrante a Professora Doutora Roberlayne Borges Roballo, Professora Adjunta I do Setor de Educação, Departamento de Planejamento e Administração Escolar (DEPLAE), da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Foi Secretária de Educação do Município de Curitiba e Coordenadora do Fórum Municipal de Educação (gestão 2013-2016), colocando Curitiba em primeiro lugar dentre as capitais do Brasil no IDEB.

Doutora em Educação, pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), linha de pesquisa História e Historiografia da Educação (2012). Mestre em Educação pela Universidade Federal do Paraná (2007). Integrante dos seguintes grupos de Pesquisa: Grupo de Pesquisa História Intelectual e Educação (GPHIE) e Núcleo de Estudos e Pesquisa História, Educação e Modernidade (NEPHEM).

Coordenadora do Projeto de Extensão “Nenhum(a) a menos na Escola”. Coordenadora do Projeto de Pesquisa “História dos livros, dos livros escolares e manuais escolares produzidos para subsidiar os processos de formação de professores no Estado do Paraná: 1900-1980”. Tem experiência na área de Gestão Pública e Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: Equidade na Educação, Direito à Educação e desigualdade intra-escolar, Gestão Educacional, Interesse Público, História da Formação Docente, História dos manuais para a formação de professores, Historiografia da Educação, Organização do Trabalho Pedagógico (Currículo, Planejamento, Avaliação Educacional), Função Social e Cultural da Escola.

Na sequência acontece uma mesa redonda onde se juntarão à Roberlayne, o professores Flávio Furlanetto e a Professora Mestre, Jussara Cristina Mayer Ceron

Flavio

Professor Flavio é Doutor em Educação pela Universidade de São Paulo (USP),  Mestre em Educação pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Licenciado em Ciências, Matemática e Pedagogia. Atuou como professor da Educação Básica da  rede municipal de Londrina por 20 anos e na rede Estadual do Paraná. Atualmente é Professor adjunto da Universidade Estadual do Norte do Paraná, no curso de Pedagogia.

jussara

A Professora Jussara é Mestre em Educação , pedagoga, orientadora educacional, matemática. Atua como educadora desde 1994, concentrando suas práticas na área de Gestão Educacional e gestão Escolar, no desenvolvimento de processos de potencialização de pessoas, com ênfase na formação de educadores. Tem um caminho percorrido na área da infância e na juventude como dinamizadora de projetos educacionais de responsabilidade social e, no exercício da docência de pedagogia e outras licenciaturas, destacando suas entradas nas disciplinas de didática, fundamentos educacionais, práticas de ensino, alfabetização e letramento, estágios supervisionados e pedagogia em ambientes não escolares. Possui uma trajetória nos cursos de ensino superior e pós-graduação. É formadora dos tempos da infância com ênfase na Educação Infantil e no processo de alfabetização, pesquisando os movimentos e expressões do “ser criança” e seus registros como produções culturais e sociais. Desde 2010 dedica-se à assessoria pedagógica do programa União faz a Vida no Estado de Mato grosso e a formação de educadores em outros programas educacionais e sociais, com ênfase dos temas “Currículo, formação de Educadores, práticas pedagógicas.”

Abertura: Dia 30 de Julho – CTG Pousada do Sul

13:30 – 14:00 Entrega de Material
14:00 – 14:30 Cerimônia de abertura
14:30 – 16:00 Palestra:”Nenhum(a) a menos na Escola” – Profaª Drª Roberlayne

Borges Roballo

16:00 – 16:20 Intervalo
16:20 – 18:00 Mesa Redonda: Profª Drª Roberlayne Borges Roballo

                     Prof Dr Flávio Furlanetto

                     Profª Me Jussara Ceron

Palestras Noturno

19:30 – 21:30 O Conselho tem seu Valor Prof.Dr. Flávio Rodrigo Furlanetto
19:30 – 21:30 Consciência Fonológica Fonoaudióloga Esp. Bruna Manini

Dia 31 de Julho: Oficinas de 8 horas 7:30 – 11:30 e 13:30 – 17:30

1. “Nenhum(a) a menos na Escola” (Gestores e Secretários) Profaª Drª Roberlayne Borges Roballo
2. “Contando e Encantando – Mediação de Leitura e Alfabetização Literária” Profaª Esp. Aliny Perrota
3. “Diversidade -Vivência e Saberes Indígenas Profaª Esp Deijalsina Gonçalves da Silva
4. “Dando Significado à Matemática” Prof Esp. Pedro Augusto Mazini dos Santos
5. ” Matemática Significativa” (4º a 6º) Prof. Dr. Flávio Rodrigo Furlanetto
6. “Aspectos Estruturais e Instrumentais do Desenvolvimento Infantil” Profª Draª Cleide Vitor Mussini Batista – Psicóloga/Psicanalista
7. “Roda, Registro e Prática de Letramento Cooperativo nos Diferentes Rituais Pedagógicos” Profaª Me Jussara Ceron
8. O Ensino na área de linguagens com foco na BNCC Prof. Me Ernandes Araújo Nascimento
9. Abordagem de conceitos matemáticos a partir das relações com BR 242 Profa. Me Luciana Akeme M S. Deluci
10. Formação Docente e inclusão escolar: desafios a serem superados.  Profª Me Luciene de Morais Rosa
11. Estratégias para melhorar o rendimento esportivo e de saúde  Prof. Esp. Leomar Koler
12. Estratégias para Sala de Aula junto ao TEA: construção de materiais e uso correto  Profa Esp Adriana Didyk (Tuca)
13. Hidraulica e elétrica básica – Ag. de Manut.  Romualdo Martins Filho
14. Culinária na Prática – Agentes de Nutrição  Nutricionista Caroline Garcia Santana
15.  Profissional de Valor – Agente  de Limpeza e Vigias  Psicólogo Diego de Almeida Lima
16. Direção Defensiva Prof. Ederson Aparecido Aries Carlini

Os participantes receberão certificados ao final do evento.

 

 

LUTO

LUTO EM QUERÊNCIA. MORRE EM GOIÂNIA, GILMAR BURNIER. CORPO SERÁ VELADO NO SINDICATO RURAL.

O CORPO SEGUE DE CARRO DE GOIÂNIA COM PREVISÃO DE CHEGADA PERTO DE 17 HORAS.

GILMAR

Querência registra com pesar o falecimento do produtor rural e empresário Gilmar Burnier, natural de Concórdia e proprietário da Fazenda Concórdia em Querência.

Gilmar foi levado ontem para Goiânia de avião por volta de 16 horas e internado não resistiu indo à óbito no início da madrugada. A causa ainda não foi revelada.

Nas redes sociais, amigos deixam condolências para a família.

Falando ao Portal QUERÊNCIA HOJE a filha, Amanda recebeu a condolências e informou que a família ainda planejava os serviços fúnebres, uma vez que o translado segue de Goiânia e deve chegar por volta de 16 horas.

Anderson Burnier informou que as homenagens acontecerão no Sindicato Rural e o enterro amanhã em horário que será definido e informado.

O presidente do Sindicato Osmar acompanha juntamente com Dona Cleide o translado para Querência.

Aqui um registro de um momento bacana no local do famoso chimarrão dos amigos:

https://querenciahoje.wordpress.com/2010/08/21/belezas-de-querencia/

Abaixo um pequeno texto pesquisa da história da cidade que registra a chegada da família na cidade.

Com o objetivo de trabalhar com comércio em 1988 chegou à família Burnier, que logo se estabeleceram e abriram uma loja de confecções. No ano seguinte montaram um escritório de planejamento com representação de revenda de adubos. E no ano de 1995, começaram a trabalhar com armazém, de início sua capacidade era pequena, os produtos eram vendidos para a Conab, sendo este o primeiro comprador particular de arroz.

Mais informações em instantes.