ENTERRADO EM UNAÍ O JOVEM FERNANDO HEBERLE.

fernando

 

As redes sociais desde ontem tem uma avalanche de mensagens de amigos que amavam Fernando. Ex-morador de Querência, ele estava na UTI em Brasília onde faleceu e foi levado de carro funerário para Unaí.

O enterro aconteceu nessa manhã, 9 horas, no Cemitério Novo de Unaí-MG e desde ontem registrou-se  uma grande presença de amigos que estiveram presente no Espaço Emanuel para o velório que começou 18 horas e virou a noite. Num rápido contato com reportagem Magnus Silva que é casado com mãe do jovem, registrou numa frase a situação:  uma tragédia.

O administrador do local do velório Sr. Walter contou ao QUERÊNCIA HOJE que foi muito grande a presença dos amigos de escola no local durante toda noite e que ele seria muito querido na cidade.

 

A MORTE DA HORA DO GOL

63730_10152768289800409_1846187866352024838_n

O salto mortal… mortal do jogador indiano.

 

Na última segunda-feira, o indiano Peter Biaksangzuala, de 23 anos, morreu após cinco dias de internação no hospital Aizawl. O jogador errou uma sequência de cambalhotas após balançar as redes pelo Bethlehem Vengthlang diante do Chanmari West, por uma liga regional da província indiana de Mizoram.

Os companheiros de equipe de Peter perceberam que ele havia se machucado e imediatamente correram para tentar ajudar. O atacante foi levado para o hospital, onde realizou exame que identificou lesão grave na medula. Antes de morrer, o atleta teria dito para uma enfermeira que ficaria com Deus.

CUIABÁ FECHA ANO COM QUEDA NA ARRECADAÇÃO.

Queda na arrecadação pode chegar a R$ 50 milhões neste ano.

A Prefeitura de Cuiabá deve fechar o ano com uma arrecadação entre R$ 45 e 50 milhões menor do que foi previsto na Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2014. A avaliação é do secretário de Fazenda da prefeitura, Guilherme Frederico Müller, com base no que foi arrecadado até agora. A diminuição na arrecadação de alguns impostos e repasses federais determina esse quadro.

O Orçamento Geral do município de Cuiabá para este ano, incluindo os repasses federais e constitucionais, foi estimado em R$ 2,089 bilhões. Deste total, a previsão de arrecadação própria, a chamada fonte 100, era de R$ 1,14 bilhão, a arrecadação deve ficar em R$ 960 milhões, ainda que comparado ao orçamento de 2013 já tenha havido um incremento na arrecadação de R$ 61 milhões. Esses números dizem respeito à arrecadação própria em impostos, taxas, multas, entre outros, e não a repasses vindos de outras fontes, como do governo federal.

Só para se ter uma ideia do que significa esse montante, ele daria para pagar  um mês de salário de todos os servidores municipais. Representa também o valor que o Executivo teria que pagar durante todo o ano em empréstimos feitos por gestões anteriores. Müller, entretanto, tranquiliza servidores e credores da prefeitura. “Os salários dos servidores e os empréstimos estão e continuarão a ser pagos em dia”, garante o secretário.

Segundo o secretário de Fazenda, ”não há razão para alarme, mas teremos que fazer ajustes na máquina administrativa”. Guilherme Müller disse ainda que o prefeito Mauro Mendes determinou à sua equipe que corte gastos, sem prejudicar áreas e metas consideradas prioritárias. Nisso se enquadra a saúde, educação, o Programa Novos Caminhos,  o andamento do projeto para a implantação do novo Pronto-Socorro de Cuiabá e a conclusão do Projeto Porto Cuiabá.

Razões

O secretário de Fazenda de Cuiabá atribui a três fatores a diminuição na arrecadação prevista. O primeiro deles é a diminuição entre o previsto e o arrecadado no Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis (ITBI), cuja previsão será de se arrecadar em torno de R$ 46 milhões e deve fechar o ano em R$ 30 milhões. O ITBI é recolhido nas transações imobiliárias no município. “O mercado e nós (prefeitura) esperávamos um boom nas vendas de imóveis este ano e elas não ocorreram”, argumenta Müller.

Outra queda significativa foi a do repasse do Fundo de Participação dos Municípios – FPM. O FPM é repassado pelo governo federal com base na arrecadação do Imposto de Renda de Renda e Imposto sobre produtos Industrializados – IPI. Como a arrecadação de ambos sofreu uma queda sensível em nível nacional, diminuiu também o repasse para estados e municípios. Dos R$ 125 milhões previstos inicialmente, no máximo R$ 115 milhões virão para a capital mato-grossense.

O terceiro fator significativo foi a queda na arrecadação do Imposto sobre Circulação de Mercadoria e Serviços – ICMS, que caiu de R$ 260 milhões para menos de R$ 245 milhões. Os valores restantes dizem respeito a impostos e tributos municipais, cuja arrecadação tenha aumentado na atual gestão e se mantido constante, está abaixo do que era prevista.

O secretário de Fazenda reconhece que foi feito um orçamento “bastante otimista” em termos de receita, mas que não se concretizou no decorrer do ano. Vale lembrar que, com base nessa arrecadação prevista, foi feita também a previsão de despesas. “E se não há receita, temos que cortar despesas e é isso que estamos fazendo”, acrescenta ele.  A meta da  administração municipal é reequilibrar receita e despesa até dezembro para evitar a inscrição de restos a pagar em 2015.

Para 2015, diante do quadro de incertezas quanto à situação econômica do país, Guilherme Müller informa que a Lei Orçamentária Anual praticamente repete os números deste ano. “Vamos trabalhar com os pés no chão, mas sem abrir mão das prioridades determinadas pelo prefeito Mauro Mendes”, finaliza.

EMPREENDEDORES: AGRITEX CASE IH CHEGA À VILA DOS BAIANOS.

06 (2)

Nos últimos anos as atividades agrícolas do Mato Grosso vêm chamando a atenção do mundo, devido ao grande investimento em tecnologia feito pelos produtores rurais. Apostando neste potencial produtivo da região, a Agritex, concessionária Case IH, inaugurou no dia 18 de outubro, sua nova loja em Espigão do Leste, popular Vila dos Baianos, que é distrito do município de São Félix do Araguaia-MT.

“Desde que começamos com a Case IH, muita coisa mudou e pra melhor. Hoje estamos aqui inaugurando a loja para atender os agricultores desta região tão próspera e que nos recepcionaram tão bem, queremos prestar o melhor serviço e dar assistência técnica de qualidade, tenho a certeza que nós só temos a crescer juntamente com a população local e oferecer o melhor atendimento aos nossos clientes. E esta é a diretriz de nosso trabalho diário, sempre visando o melhor, vencendo novos desafios; essa será a nossa missão, fazer essa região crescer e se desenvolver conosco”, diz Gerson Garbuio diretor da Agritex.

 A parceria entre Agritex e Case IH tem rendido bons frutos. Gerson ressaltou ainda a importância em manter sempre o padrão de qualidade exigido pela Case IH em suas concessionárias. “Temos sempre a preocupação em montar uma estrutura de qualidade para atender os nossos clientes e amigos com o melhor que temos para oferecer”, finaliza.

 Estiveram presentes no evento os prefeitos e representantes das cidades vizinhas, colaboradores, clientes e amigos, que puderam acompanhar de perto os benefícios que a concessionária trará à região.

CONFIRA MOMENTOS DO EVENTO.

b5

b8 bai1 bai7

Agradecimentos: Vanessa Fauda por ceder as fotos.

CONHEÇA A PREFEITA QUE COMANDA A MENOR CIDADE DO PÁIS.

Prefeita do menor município do país conta que principal dilema é asfalto.

Camila Cervantes – RD NEWS.

.

Maria Jose das Graças prefeita_araguainha_1.jpg

Maria José das Graças, prefeita de Araguainha, menor município do país, conta dificuldades que a população passa com falta de saúde, educação e saneamento.

A prefeita de Araguainha (a 445 km de Cuiabá), Maria José das Graças (PR), alega que uma das principais demandas do município é a pavimentação da MT-100. A cidade, que é a menor do país em extensão territorial, tem orçamento de R$ 6,5 milhões ao ano e conta com 1.085 habitantes. Além disso, a gestora diz que o governador eleito Pedro Taques (PDT) terá dificuldades para regularizar os problemas deixados pelo atual Silval Barbosa (PMDB), como os empréstimos feitos para a realização do MT Integrado e o término do VLT.

Prefeita de primeiro mandato, Maria José é professora e diz que, apesar de ser leiga na política, faz o que pode. “Fui eleita com 400 votos e me candidatei devido à pressão da categoria para ter um representante. Mas para conseguir as coisas aqui, precisamos correr atrás”. A republicana ainda destaca que além da pavimentação da MT-100, o município carece de saúde, saneamento básico (água e esgoto), estradas e pontes.

Conta que não há hospital, somente uma unidade mista de saúde. Para educação, são apenas duas escolas disponíveis, sendo uma municipal e outra estadual. Não há creches e o índice de desemprego é grande. “Os jovens vão para Alto Araguaia procurar emprego”. A prefeita ressalta que a economia local é a pecuária, no entanto, não tem indústria nem agricultura para sustentar a população. “Tudo isso dificulta muito”.

Segundo Maria José, apesar de Araguainha ser pequena e não ter representação eleitoral, já conseguiu duas emendas, sendo uma para calçamento e outra para a construção de um poço tubular para um assentamento próximo à cidade.

Gestão

Maria José tomou posse em janeiro de 2013 com duas folhas de pagamento atrasadas e funcionários desqualificados. Explica que o ex-prefeito José Ocifarne Ferreira (PSD) nomeou vários funcionários, mas sem a devida experiência para ocupar os cargos designados.

Diante disso, reforça que desde o início do mandato vem contornando a situação, tendo em vista a pouca arrecadação municipal. “Nós esperamos, além de resolver os problemas pendentes, que o governador eleito termine o asfalto para favorecer nosso município. Somente 2 quilômetros foram pavimentados e a estrada é uma via de escoação de grãos que fomenta a economia”, conclui.

AÉCIO X DILMA: HOJE NA RECORD TEM DEBATE.

Rede Record promove debate com presidenciáveis neste domingo.

A uma semana do segundo turno, Aécio e Dilma vão discutir os desafios do Brasil e as propostas de cada um para os próximos quatro anos, em um debate decisivo, logo depois do Domingo Espetacular.

Aécio e Dilma participam do debate na Record

Os dois candidatos mais votados e que disputam a Presidência da República no segundo turno, se enfrentam na noite deste domingo (19) em debate promovido pela Rede Record, ao vivo para todo o Brasil. Aécio Neves (PSDB) e Dilma Rousseff (PT) ficam frente a frente a partir das 21h15 (horário da Paraíba).

A uma semana do segundo turno, Aécio e Dilma vão discutir os desafios do Brasil e as propostas de cada um para os próximos quatro anos, em um debate decisivo, logo depois do Domingo Espetacular.

SERIAL DE GOIÂNIA MATAVA “POR RAIVA DE TUDO” DIZ POLÍCIA.

Segundo a assessoria da Secretaria de Segurança Pública, o suspeito era monitorado há mais de um mês

Agência Brasil

Em depoimento, ele chegou a mencionar ter cometido 39 homicídios.

A Polícia Civil informou ter apreendido, na casa do rapaz, na capital, um revólver, uma moto e recortes de jornais com notícias sobre os assassinatos de moradores de rua. Os investigadores chegaram ao vigilante a partir de imagens registradas por várias câmeras de segurança. Aos delegados, o suspeito teria chegado a dizer que matava para “se livrar de uma angústia e por sentir prazer”. Hoje, o superintendente declarou que o vigilante matava “por raiva de tudo”.

Geovanna Cristina/Futura Press

Polícia Civil apresenta o vigilante Thiago Henrique Gomes da Rocha, de 26 anos, que é apontado como o autor de 39 mortes em Goiânia.

 

Exames de balística feitos no revólver apreendido na casa do vigilante de 26 anos, detido terça-feira (14), indicam que a arma é a mesma com que foram disparados os tiros que mataram ao menos seis das vítimas. Morador de Goiânia, o rapaz é suspeito de ter assassinado várias mulheres e moradores de rua da capital, ao longo deste ano.

A informação foi divulgada pelo superintendente da Polícia Civil de Goiás, Deusny Aparecido Filho, em entrevista coletiva na manhã desta quinta-feira (16). Preso em caráter temporário, o vigilante foi apresentado à imprensa em meio a um clima de tensão e comoção.

No momento em que o suspeito foi apresentado, parentes das vítimas que tiveram acesso ao local e que acompanhavam a coletiva passaram a gritar, exigindo justiça e xingando o suspeito, que foi rapidamente retirado do local.

Segundo a assessoria da Secretaria de Segurança Pública, o suspeito era monitorado há mais de um mês. Em depoimento, ele chegou a mencionar ter cometido 39 homicídios, mas, até o momento, a Polícia Civil diz só ter indícios para suspeitar da participação do vigilante em 24 mortes, das quais de 16 mulheres e oito moradores de rua.

O superintendente da Polícia Civil evitou classificar o vigilante como um assassino em série, mas destacou que o rapaz confessou que não matava só mulheres, mas também moradores de rua. O fato torna ainda mais difícil compreender suas motivações.

 

 “Quem vai dizer se trata ou não de um serial killer são os psiquiatras [forenses], mas vale lembrar que ele também matava homens, moradores de rua”, disse Filho, destacando que, em alguns casos, o vigilante também levava dinheiro e pertences pessoais das vítimas. Há a hipótese, sob investigação, de que o rapaz tenha matado também homossexuais e travestis.

Esta manhã, pouco mais de vinte e quatro horas após ser detido em caráter temporário, o vigilante tentou o suicídio. Segundo o Corpo de Bombeiros, ele tentou cortar os pulsos usando cacos de uma lâmpada da cela que ocupava na Delegacia de Repressão a Narcóticos (Denarc). Apesar de ter perdido bastante sangue, o rapaz foi socorrido a tempo e não corre risco de morte.

A Agência Brasil não conseguiu contato com o advogado do suspeito detido, até o momento da publicação desta matéria.